Duda doa rim, salva a vida da filha Adriana e é perdoada por ela

A mulher para de beber, arrisca a própria existência após o transplante e tem um “reencontro” emocionante com a caçula “abandonada” por ela no passado.

Os dias passam e Adriana (Judia Dal avia) adoece ainda mais por causa do único rim que ainda llhe resta. Já no hospital, ela nota a preocupação no rosto do pai, Henrique (Emílio de Melo), e também de Jô (Bárbara Paz), que, em breve, se revelará uma mau-caráter da pior espécie.

Certa noite, os médicos, inclusive o traste Renato (Rafael Cardoso), chamam Henrique para uma conversa séria e ele recebe a terrível notícia: o rim de D ri está entrando em falência e ela precisa de um doador com extrema urgência.
Desesperado, Rique corre atrás de Duda (Gloria Pires) e de Clara (Bianca Bin) para dividir com elas a sua dor. Imediatamente, Duda avisa que não vai esperar mais e procurará os doutores para salvar sua caçula.

Apesar de ser compatível, como sempre bebeu, Duda tem o fígado comprometido e não suportaria os medicamentos no pós-operatório. E poderia morrer logo após o procedimento.

O profundo amor

Sem chão, Duda decide visitar a filha e, novamente, é maltratada por ela. Adriana reafirma ter vergonha delia por ter sido dona de bordel e também pela recente acusação do assassinato de Laerte (Raphael Vianna).

No auge do pânico, Duda lembra: a única pessoa que não se dispôs a fazer a doação a Dri até agora foi Jô, que insiste em dizer, sempre a mou afilha de coração. E Henrique, vendo o fim da herdeira se aproximar, sugere à ex fazer o teste de compatibilidade. A bruxa topa e afirma: se der positivo, doará seu rim à advogada. Mentira! O mais rápido possível o teste é realizado e, bingo: Jô pode, sim, participar do processo. No entanto, a golpista dispara diante
de Henrique e Duda: não entregará seu órgão de forma alguma! 0 diplomata tem um surto, Duda idem, e é aí que a máscara da jararaca despenca. Jô admite: nunca suportou Henrique na cama, sempre o traiu enquanto ele viajava e jamais gostou de Adriana!

É tudo ou nada!

Sem saída e sabendo que a caçula só terá um mês de vida, Duda se ajoelha aos pés da rival, mas ela é irredutível.1 É quando a mãe procura renato e demais médicos responsáveis pelo caso. Ela afirma estar disposta a correr todos os riscos.

Fontes:

Revista TI TI TI

Minha Novela

Leia mais Resumo de Novelas

Veja também!

Deixar comentário